Bombeiros localizam corpo de jovem que se afogou no Rio Corumbá, GO - Correio Cachoeirense

Bombeiros localizam corpo de jovem que se afogou no Rio Corumbá, GO

Rapaz de 26 anos foi localizado após dois dias de buscas, em Pires do Rio.
Bombeiros alertam que o rio é fundo e correnteza no local é muito forte.


Após dois dias de buscas, o Corpo de Bombeiros localizou, nesta terça-feira (17), o corpo de um rapaz de 26 anos que se afogou no Rio Corumbá, em Pires do Rio, no sudoeste de Goiás. Segundo os bombeiros, o corpo foi encontrado às margens do rio, a cerca de cinco quilômetros do ponto onde o homem foi visto pela última vez.
O afogamento aconteceu no domingo (15). Segundo a corporação, ele estava em uma canoa, que virou, e não usava colete salva-vidas.
O Corpo de Bombeiros afirma que as buscas foram dificultadas porque o rio é fundo e cheio de pedra. “A correnteza lá também é muito forte e dificultou bastante”, afirma o tenente-coronel Martiniano Gondim.

Afogamentos

Desde o início do carnaval, o Corpo de Bombeiros registrou oito mortes por afogamento no estado. A primeira morte por afogamento ocorreu no sábado (14), em Corumbá de Goiás. No domingo foram registrados cinco casos: em Bela Vista de Goiás, Nerópolis, Iporá, Israelândia e Pires do Rio. Já na segunda-feira (16), os afogamentos ocorreram em Arenópolis e Itapirapuã.
Conforme Martiniano Gondim, o índice de vítimas de afogamento aumentou 60% em relação ao ano passado, quando foram registrados cinco casos durante todo o carnaval. Para o oficial, a situação é preocupante. “Tanto que o Corpo de Bombeiros, antes de começar o carnaval, fez o serviço preventivo, informando a população, ministrando cursos de afogamento”, disse.
Ele afirma ainda que, na maioria das vezes, o afogamento ocorre porque as pessoas não usam equipamentos de segurança. “O afogamento acontece porque as pessoas insistem em entrar na água sem o colete salva-vidas. Sabendo ou não nadar tem que usar, vai entrar numa embarcação, tem que usar”, reforça Gondim.